quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Faz e refaz

Quem será que cuida do controle de qualidade das obras infindáveis nas escolas de Tucuruí? Falo tanto das estaduais quanto das municipais. Além do ritmo lento e despreocupado com o impacto negativo na qualidade do ensino, a má qualidade do serviço é outra coisa que tem chamado bastante a atenção.
São portas recauchutadas que não fecham, luzes recém instaladas que não acendem ou, ao contrário, não apagam nunca, forros novos que já começam a desabar, além de um eterno faz e refaz que eu não sei quem paga (ou sei?).
Na foto acima um belo exemplo desse faz e refaz em uma escola estadual. Pintura feita, acabamento, tudo ok, certo? Errado! depois do “acabamento” veio a confecção do piso onde se usa uma espécie de máquina polidora para dar um efeito mármore. Olha só o resultado.

Nenhum comentário: