terça-feira, 21 de agosto de 2012

Justiça condena Juvenil e o torna inelegivel

Apesar da condenação, Juvenil pode recorrer e continuar na disputa pela prefeitura de Altamira
O Tribunal Regional Federal da 1ª Região julgou o processo nº 0003016-15.2006.4.01.3903 de Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa, movida pelo Ministério Público Federal, contra Domingos Juvenil Nunes de Sousa, em razão de supostas irregularidades na aplicação de verbas públicas oriundas do convênio nº 07/2004, firmado entre a Funasa e a prefeitura de Altamira, na época em que Juvenil era prefeito do município. Domingos Juvenil é um dos três candidatos a prefeito da cidade de Altamira nas eleições deste ano.
Na sentença com data de 13 de agosto de 2012, o juiz  titular Pablo Zuniga Dourado, julgou parcialmente procedente a pretensão e condenou Domingos Juvenil Nunes de Sousa a perda de função pública, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos, proibição de contratação com o poder público ou recebimento de benefícios ou incentivos fiscais e creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoas jurídicas da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos além dos pagamentos das custas processuais e honorários advocatícios, fixados em R$ 2.000,00 (dois mil reais).
O juiz também pede para à Justiça Eleitoral ser comunicada sobre a suspensão dos direitos políticos do réu e ao TCU e TCE do Pará sobre a proibição do réu de contratar com o poder público.
O ex-deputado pode recorrer da sentença.
A decisão pode ser consultada no site www. trf1.jus.br no link Consulta Processual.
Texto: WD Notícias

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Palpite infeliz do secretário de educação


Secretário Cláudio Ribeiro: a culpa é da greve e da evasão
Vergonhoso o pronunciamento do excelentíssimo secretário de educação, Sr. Cláudio Ribeiro, ontem na imprensa pondo a culpa do desempenho negativo do ensino médio no Estado do Pará nos professores e alunos. Ele disse que o mau resultado é consequência da greve e da evasão escolar. Ora, se existe greve é por que alguma coisa não vai bem na sua seara e se há evasão não é por que o aluno é vadio. Concordam?

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Ideb traduz em números a realidade do ensino médio no Pará

Quadro gráfico do UOL Educação
Estive lendo as opiniões dos especialistas sobre os números do Ideb apresentados pelo MEC em relação ao ensino médio e constatei que nada mudou. Se não mudaram os números, que tiveram uma evolução tímida, não mudaram também as causas da tragédia, é obvio. Falta de estrutura e investimentos, baixos salários e escola não atraente a profissionais e alunos são os motivos mais apontados. Todos esses assuntos já foram abordados aqui, mas parece que eles não se esgotam facilmente.
Focando no Pará, observamos que os números mostram uma involução da educação. Em 2009 o Ideb apontou para 3,1 e agora, em 2011 caiu para 2,8 numa escala que vai de zero a dez. O Ensino médio no Pará está com nota vermelha.
E o pior é constatar que essa é uma realidade que parece independer de cor partidária de governo por que essa amostragem divulgada ontem pega parte do governo de Ana Júlia e parte do governo Jatene. Para se ter uma ideia, os 2,8 de 2011 são os mesmos insignificantes dígitos alcançados em 2005.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Cai qualidade do Ensino Médio no Pará e em mais oito estados

A nota do ensino médio em nove Estados diminuiu de 2009 para 2011. É o que mostram os dados do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) 2011, divulgados pelo MEC (Ministério da Educação) nesta terça-feira (14).
São eles: Acre, Maranhão, Espírito Santo, Pará, Alagoas, Paraná, Paraíba, Bahia e Rio Grande do Sul.
Veja matéria completa no UOL Educação

sábado, 11 de agosto de 2012

Juiz Eleitoral determina que Facebook saia do ar por 24h

Um juiz eleitoral de Florianópolis determinou que o Facebook suspenda todo o seu conteúdo no Brasil durante 24 horas por não ter cumprido uma ordem para tirar do ar uma página que criticava um vereador.
A rede social também receberá multa diária de R$ 50 mil por não ter respeitado a decisão.
No dia 26 de julho, o juiz eleitoral Luiz Felipe Siegert Schuch expediu uma liminar mandando o site retirar do ar a página "Reage Praia Mole", de crítica a um projeto turístico em Florianópolis.
Quem fez o pedido foi o vereador Dalmo Meneses (PP), candidato à reeleição que se sentiu prejudicado pelo conteúdo veiculado de maneira anônima na comunidade.
Segundo a Justiça Eleitoral, a ordem foi desobedecida. Nesta quinta-feira (9), em nova decisão, Schuch mandou suspender o Facebook no país e deixar no site apenas um aviso informando estar "inoperante por descumprimento da lei eleitoral".
Em sua primeira decisão, o juiz citou uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral que "veda o anonimato" em propagandas no período de campanha.
"Sem identificação do responsável pelas manifestação das opiniões ali publicadas, estão noticiados fatos e julgamentos pessoais depreciativos", escreveu Schuch sobre a comunidade.
A ordem afirma que o cumprimento deve ocorrer a partir da notificação do Facebook.
Na rede social, nesta sexta-feira, é possível encontrar uma comunidade chamada "Reage Praia Mole 2", em que os responsáveis reclamam da desativação da página original.
A reportagem não conseguiu localizar o vereador Dalmo Meneses.
OUTRO LADO
A representação do Facebook no Brasil informou que "está em contato com a Justiça Eleitoral a respeito deste assunto e que tem procedimentos implementados para lidar com questões relacionadas com propaganda eleitoral".
A rede tem 37 milhões de usuários no Brasil.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Estudantes e guardas municipais entram em confronto em Belém

Guarda Municipal reprime protesto de estudantes em Belém (Foto: O Liberal)
Estudantes e guardas municipais entraram em confronto nesta quinta-feira em Belém durante protesto contra o aumento no valor da passagem de ônibus.
O conflito teve ataques com pedras e balas de borracha e deixou ao menos dois estudantes e três guardas feridos, de acordo com a Guarda Municipal.
O Ministério Público do Pará, porém, colheu relatos de participantes da manifestação e cita dez estudantes feridos.
A confusão começou por volta das 12h, quando um grupo de cerca de 300 estudantes protestava em frente à prefeitura, aguardando para ser recebido por representante do município. O local era protegido por 48 guardas.
Segundo a Guarda Municipal, parte dos estudantes começou a jogar pedras no prédio da prefeitura, que também atingiram os guardas, que reagiram com bombas de efeito moral, spray de pimenta e balas de borracha.
Os estudantes, porém, dizem que a manifestação era pacífica, organizada por movimentos estudantis como a UNE (União Nacional dos Estudantes). O preço da passagem de ônibus em Belém subiu de R$ 2 para R$ 2,20 no último dia 1º.
Jorge Lucas, coordenador do DCE (Diretório Central dos Estudantes) da UFPA (Universidade Federal do Pará), afirma que os estudantes se concentraram em frente à prefeitura e só jogaram pedras e garrafas de água depois que os guardas os atacaram.
Eles dizem que a ação da Guarda Municipal atingiu até pessoas que passavam no local e não participavam da manifestação.
A comandante da Guarda Municipal, Ellen Margareth, afirma que os guardas usaram "força moderada". "Os guardas não saíram da linha de entrada do prédio", diz.
Ela afirma ainda que alguns manifestantes aproveitaram o protesto para usá-lo de forma política e fazer propaganda de candidatos.
Ministério Público e Guarda Municipal ainda estão apurando o caso. Estudantes planejam um novo protesto para a próxima terça-feira (14). (AGUIRRE TALENTO E FELIPE LUCHETE).

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Não precisa mais estudar. Senado aprovou lei das cotas

Absurdos como esse tendem a se repetir
Não precisa mais estudar. O Senado aprovou ontem à noite a lei das cotas, que reservam metade das vagas nas universidades federais e nas escolas técnicas do país para quem se declarar da raça beneficiária e pra quem estudou em escola pública.
É a banalização do ensino, ou melhor, é a AVACALHAÇÃO do ensino. Agora vai ocupar uma cadeira na universidade não quem é mais capacitado e sim quem se enquadra na lei do apartheid tupiniquim.
Alguém que acertou, por exemplo, 90% das questões de uma prova de seleção pode perder a vaga para alguém que acertou apenas 40% por não ter se declarado negro ou índio. Ora, todo mundo tem um pouco de negro e índio nesse país. Sejamos sensatos.
Quanto a prioridade para quem estudou em escola pública, isso me parece mais a assinatura de um recibo de incompetência de um Estado que não consegue elevar o nível do ensino a ponto de concorrer com as privadas ou até mesmo de fazer com que elas não sejam mais necessárias.
A lei segue para sanção da presidente.

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Socialistas trocam Sancler por Jones William

Candidatos do PSB aderem à campanha de Jones William
Uma sina acompanha o candidato a reeleição à prefeitura de Tucuruí, Sancler Ferreira (PPS), que é a de perder constantemente apoiadores. Desde que se elegeu, em 2008, muitas lideranças já se afastaram e passaram para a oposição.
E parece que a maldição continua agora durante a campanha. Quem se rebela dessa vez é o PSB. Alguns candidatos da legenda 40, que faz parte da coligação do atual prefeito, foram vistos participando, com suas claques, do comício do candidato petista, Jones William, na última sexta feira no bairro do Getat. Se continuar perdendo sangue desse jeito, o atual prefeito vai chegar amarelo no dia 07 de outubro.

Após exames, Lula é liberado para participar das eleições

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou por exames nesta segunda-feira (6) no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Após a confirmação dos resultados, Lula foi liberado para de todas as restrições médicas – inclusive para participar das campanhas eleitorais deste ano.
Lula, que passou recentemente por tratamento contra um câncer na laringe, deixou o hospital após os exames e foi almoçar com a presidenta Dilma Rousseff no escritório da Presidência em São Paulo, localizado na região central da cidade.
"Ele está completamente liberado a suas atividades normais a partir desse momento. Se quiser fazer campanha, ele está liberado", disse a jornalistas o médico particular de Lula, Roberto Kalil Filho.
Segundo o boletim médico, o ex-presidente passou por exames de sangue, ressonância magnética e laringoscopia, entre outros que mostraram normalidade em seu quadro de saúde.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Justiça Federal condena Prefeita de Novo Repartimento à perda de cargo político

Shot004A prefeita de Novo Repartimento, Valmira Silva (PR), que assumiu a prefeitura em 2011, em virtude da cassação do registro do ex-prefeito Bersajones Moura (PSB), foi condenada pela Justiça Federal, em ação movida pelo Ministério Público Federal, à perda do cargo e teve os seus direitos políticos cassados por 10 anos.

Matéria "surrupiada" do blog do Parsifal. Leia mais.

Candidato petista fará primeiro comício hoje no Getat

Jones cumprimenta eleitores no bairro do Getat, seu principal reduto eleitoral.
Esta semana o candidato petista à prefeitura de Tucuruí concentrou sua campanha no bairro do Getat, o mais populoso da cidade e seu principal reduto eleitoral. Jones William chegou à Câmara Municipal em 2008 com a impulsão dos moradores do bairro, sendo o segundo mais votado. Não é de se admirar que sua campanha comece por lá.
Houve caminhada durante quase todos os dias desta semana para preparar o primeiro comício que, óbvio, acontecerá no bairro hoje a noite na Av. Brasília.

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

"Mensalão": A mais atrevida e escandalosa farsa

Ex-ministro José Dirceu não renunciou ao mandato de deputado para fugir da cassação e agora espera que se faça justiça no julgamento do STF.
O julgamento que se inicia nesta quinta-feira (2) na Suprema Corte do país não é o ato final de um processo jurídico para inocentar ou condenar réus – entre eles figuras cujas biografias estão ligadas às mais importantes lutas democráticas e populares das últimas cinco décadas – acusados de terem cometido atos de corrupção.
É mais um episódio, na acidentada vida republicana brasileira, em que a democracia é posta à prova e vem à tona o que há de pior nas classes dominantes e suas representações – o reacionarismo político e o golpismo.
O Supremo Tribunal Federal cumpre seu dever constitucional de julgar a ação penal. Conta com a confiança liminar da população, que espera o discernimento jurídico de seus membros e absoluta isenção. Que julgue exclusivamente com os autos.
A peça acusatória é subjetivista e vaga. O ex-procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza prejulga e condena o que chama de “sofisticada quadrilha”, que segundo ele teria comprado apoio de partidos para o projeto político do PT e do ex-presidente Lula. Já o atual procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse que o Supremo julgará “o mais atrevido e escandaloso esquema de corrupção e de desvio de dinheiro público flagrado no Brasil”.
São acusações improcedentes, afirmações de efeito propagandístico, para dar a uma mídia sequiosa e furibunda elementos de agitação política e alimentar os sonhos de uma oposição fracassada e sem bandeiras.

Artigo de José Reinaldo Carvalho para o Portal Vermelho.
Leia na íntegra clicando aqui.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Pegadinha do Malandro em Mujú

Em Mojú-PA, o candidato tucano à prefeitura daquele município atende pelo cômico apelido de Ie-ié. Quando vi não me contive e tirei logo uma foto pra mostrar pra vocês. Fiquei pensando: já ouvi essa expressão antes. Foi quando imediatamente me veio a voz do Malandro (Serginho Malandro) na cabeça falando ieié, ieié. Será que o tal candidato tem alguma coisa de malandro? Se tem outras coisas eu não sei, mas o epíteto com certeza.