quarta-feira, 2 de maio de 2012

1º de maio em Belém: luta hoje é pela redução da jornada de trabalho

O Dia do Trabalhador foi marcado por manifestações pacíficas, na manhã de ontem, terça-feira (01), em Belém. Dezenas de sindicatos de trabalhadores se reuniram para discutir as conquistas e as reivindicações da categoria. Com o tema “Mais salários, mais empregos e mais desenvolvimento”, membros da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Central Sindical e Força Sindical estiveram na praça da República, no centro da cidade, para um ato cultural.
Os sindicatos se mobilizaram para pedir redução de jornada de trabalho e melhores condições salariais. “Além de comemorar o Dia do Trabalhador, queremos debater as bandeiras gerais, como a redução de 44 para 40 horas semanais da jornada de trabalho, o combate ao trabalho escravo, melhores salários, redução real das taxas de juros, fim do fator previdenciário e o cumprimento da lei da licença maternidade de seis meses”, disse Cleber Rezende, secretário geral da CTB.
Continue lendo no Diário do Pará.

Nenhum comentário: