segunda-feira, 16 de abril de 2012

Em Porto Alegre, PSD se une ao PCdoB e apoia Manuela D'Ávila à prefeitura

Manuela é a arma dos comunstas na disputa pela prefeitura de Porto Alegre
O PSD de Porto Alegre oficializou, na tarde desta segunda-feira (16), apoio à candidata do PCdoB, da deputada federal Manuela D’Ávila, à prefeitura da capital.
O partido, criado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, ainda indicou para vice Nelcir Tessaro, presidente da sigla no município, no acordo que também prevê a coligação na eleição proporcional.
Com isso, o PSD espera conseguir de uma forma mais fácil, ao lado dos comunistas, a reeleição de seus três vereadores em Porto Alegre.
Caso se unisse com legendas mais fortes, com o PDT, do então prefeito José Fortunati, ou o PT, do governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, a nova sigla correria o risco de ficar para trás dos candidatos dos respectivos partidos.
Manuela, que leva uma pequena vantagem sobre Fortunati, segundo pesquisas publicadas na última semana, ainda espera o apoio do PP.Embora o diretório municipal da sigla prefira uma aproximação com os pedetistas, a senadora Ana Amélia Lemos, forte nome da legenda, tem manifestado seu interesse em subir ao palanque comunista.
O PSD deve participar da coordenação de campanha de Manuela. Já para o cargo de vice, o partido está na disputa com o PSB, que já formalizou união com o PCdoB, e tem o nome do vereador Airto Ferronato para o cargo, porém, o acordo entre as legendas é que os candidatos dos dois partidos darão seu lugar de vice na chapa caso o PP, por exemplo, sigla de mais peso, se una à Manuela.
Fonte: UOL

Nenhum comentário: