sexta-feira, 23 de março de 2012

Crise na Educação: cansados do descaso, familiares de alunos da Zona Rural ocupam a SEMED

O clima esquentou quando funcionários tentaram fechar as portas da secretaria
Cansados de esperar por uma solução que nunca chega para a precária situação da educação na zona rural, pais de alunos que moram nas comunidades Reunidas, Morcego, Amapá 1 e 2 e Beija-Flor, além de habitantes de aldeias indígenas ocuparam na manhã de ontem o prédio da Secretaria Municipal de Tucuruí (SEMED).
Dentre algumas reivindicações, destacam a necessidade do prefeito garantir o acesso à escola existente na Reunidas. É que com as chuvas intensas, as estradas viraram atoleiros e os ônibus já não conseguem trafegar mais por ali. Eles dizem que a prefeitura possui um veículo “traçado” capaz de vencer os atoleiros, mas, de forma inexplicável, este roda apenas na cidade, enquanto que ônibus “comuns”, sucateados e que andam superlotados, foram para a zona rural.
As lideranças dessas comunidades estimam que a ocupação conta com cerca de 400 familiares de alunos. As crianças também estão no local. Dizem ainda que a escola, que na propaganda da prefeitura na TV aparece como uma “Escola Modelo”, possui, na realidade, apenas quatro salas de aula, o que é insuficiente para comportar os mais de 200 alunos atualmente matriculados. Segundo denúncias dos ocupantes, faltam ainda professores, merenda escolar e livros didáticos. Alguns pais, como o Sr. Antônio Ribeiro, disseram que seus filhos foram à escola apenas dois dias neste ano.

já era noite e uma mãe ainda esperava solução. O prefeito e a secretária nem receberam os manifestantes

Nos fundos da secretaria um acampamento improvisado

Nenhum comentário: