quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Efeitos da privataria tucana: Celpa pede concordata

A Celpa (Centrais Elétricas do Pará), que explora a distribuição de energia elétrica no Estado está à beira da falência e por isso pediu concordata. Vendida por algumas moedas durante o governo tucano de Almir Gabriel, a empresa se serviu de recursos públicos, aumentou excessivamente as tarifas e agora está querendo ajuda do governo para restabelecer sua saúde financeira. Quem é que vai pagar mais essa conta da privataria tucana?

Em busca do Fundeb perdido: prefeitura de Tucuruí não consegue explicar paradeiro de 4,4 milhões

Continuam as dúvidas sobre a aplicação dos recursos destinados à educação em Tucuruí
Segundo informa o Sintepp – Tucuruí, a prefeitura não provou que usou dos 60% dos recursos do Fundeb para recolher ao INSS a parte patronal de janeiro a novembro de 2011, como disse ter feito junto ao Ministério Público (MP) e para o qual deveria entregar documentos comprobatórios até o dia 27. Os documentos foram entregues sim, mas não comprovam nada.
Durante reunião no MP, no último dia 14 de fevereiro, o representante da prefeitura disse que 5,8 milhões de Reais foram gastos com pagamento de obrigações patronais, porém os documentos entregues só comprovariam 1,4 milhões. Fica pendente de explicação então, onde foram parar 4,4 milhões.

Novo piso nacional de professores vai a R$ 1.451

Reajuste é de 22,22%. Vale para nível médio e jornada de 40 horas semanais.
O Ministério da Educação divulgou na tarde desta segunda-feira (27) que o piso salarial nacional dos professores será reajustado em 22,22% e seu valor passa a ser de R$ 1.451,00 como remuneração mínima do professor de nível médio e jornada de 40 horas semanais. A decisão é retroativa para 1º de janeiro deste ano.
Segundo o MEC, a correção reflete a variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definido nacionalmente no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) de 2011, em relação ao valor de 2010. O piso aplicado em 2011 foi de R$ 1.187, e em 2010, de R$ 1.024.
A aplicação do piso é obrigatória para estados e municípios de acordo com a lei federal número 11.738, de 16 de junho de 2008. Estados e municípios podem alegar não ter verba para o pagamento deste valor e, com isso, acessar recursos federais para complementar a folha de pagamento. No entanto, desde 2008, nenhum estado ou município recebeu os recursos porque, segundo o MEC, não conseguiu comprovar a falta de verbas para esse fim.
Fonte: G1

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Deputados discutem o PNE nesta terça

Sob pressão dos movimentos sociais brasileiros, que prometem endurecer a campanha pela destinação de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a Educação, a comissão especial da Câmara que discute o Plano Nacional de Educação (PNE), o documento com as metas para o setor nos próximos dez anos, se reúne nesta terça-feira (28), a partir de 14 horas, para definir o cronograma de trabalhos para o período.

Leia mais no Portal Vermelho

Professores encontram uma saída para a crise da educação em Tucuruí

Terminal rodoviário: a saída para a crise da educação em Tucuruí
Com a falta de educação do prefeito e sua equipe, que não deu a mínima para o movimento que exigia o abono do Fundeb, derruba escola, mantém outras em intermináveis obras, gasta recurso público com aluguel de “anexos”, manda professor trabalhar longe de casa, continua aplicando a “prova unificada” e outras cositas mais, tem muito docente que finalmente achou uma solução: estão fazendo concurso para outros municípios, como é o caso do Breu Branco.

Justiça afasta prefeito de Santa Luzia do Pará

Prefeito de Sta. Luzia, Louro do PT
O juiz André Luiz Filo-Creão da Fonseca, juiz de Direito de Santa Luzia do Pará, acatando ação pública interposta pelo Ministério Público, proferiu despacho nesta segunda-feira, 27, determinando o afastamento do prefeito daquele município, Lourival Fernandes de Lima, bem como do secretário de Administração e Finanças, Gedson Xavier de Lima, e do diretor de Arrecadação de Tributos do Município, José Raimundo Nascimento de Oliveira, enquanto durar a instrução processual, período durante o qual responderá pela Prefeitura o vice-prefeito municipal.
Também foi determinada pelo magistrado a indisponibilidade dos bens de Lourival Fernandes de Lima, Gedson Xavier de Lima, Edir Raimundo da Silva e José Raimundo Nascimento Oliveira, limitando essa indisponibilidade ao valor de 200 mil reais

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Os palacianos que se cuidem


Parece que o bicho vai pegar pro lado dos palacianos de Tucuruí. Nessa foto, feita ontem (25/02) durante as comemorações dos 32 anos do PT, estão algumas das principais lideranças partidárias da oposição no município e uma delas pode encabeçar uma chapa forte na disputa pela prefeitura nas eleições desse ano.
Na imagem, onde todos fazem um gesto bastante significativo, aparecem Gualberto, James do Popular, Jones William, Joilson e Roquevan.
Foto: Wellington Hugles

Festa de aniversário do PT vira Ato Político da oposição

Pré-candidato à prefeitura de Tucuruí, o vereador e presidente do PT, Jones William, saúda a militância e dá as boas vindas aos partidos aliados
O Partido dos Trabalhadores (PT) de Tucuruí, dando seguimento aos festejos de comemoração dos 32 anos de sua fundação em nível nacional, reuniu a militância, amigos e simpatizantes na noite de ontem (25/02) na Sede do Paraíso Atlético Clube. Também estiveram presentes representantes de partidos aliados, como PMDB, PCdoB, PR, PMN, PSB, PTB, PSC e PHS. Embora não faça parte da base aliada, o Psol também se fez presente.
Mais do que uma simples festa comemorativa da militância petista, o evento acabou se transformando num verdadeiro Ato Político que reuniu as principais lideranças da oposição à atual administração municipal, que não pouparam criticas ao prefeito e aproveitaram para reafirmar a disposição de seguirem juntos na disputa eleitoral deste ano.
Estiveram presentes o ex-deputado Gualberto Neto, pré candidato pelo PMDB; James do Popular,  representando o PR;  o ex-petista Joilson Raniere, atualmente no PTB, e o comunista Roquevan, do PCdoB, todos potenciais candidatos à prefeitura de Tucuruí. O também pré-candidato, vereador e presidente do partido, Jones William, falou em nome do PT.

Foto: Wellington Hugles

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Deputado Alessandro Novelino morre em acidente aéreo

Deputado Alessandro Novelino
O Corpo de Bombeiros encontrou os corpos das três pessoas que estavam no avião bimotor que caiu na manhã deste sábado (25), em uma localidade de difícil acesso no Acará, nordeste paraense. As vítimas são o deputado estadual Alessandro Novelino, um assessor dele e o piloto da aeronave. O avião teria batido em uma torre de transmissão e caiu.'Encontramos os corpos distante do local da queda da aeronave', afirmou o Coronel Moraes, do Corpo de Bombeiros.
Os destroços do avião bimotor que levava o deputado paraense Alessandro Novelino foram encontrados em uma ilha nas proximidades do Acará, no final da manhã. O sumiço da aeronave dos radares da Aeronáutica foi registrado pelo Seripa (Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), ainda pela manhã. Um helicóptero com familiares do parlamentar se deslocou para o local. 

Leia mais no Portal ORM

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Abono: segundo Sintepp, SEMED não cumpriu acordo com MP

Venceu hoje o prazo para que a Secretaria Municipal de Educação de Tucuruí (SEMED) apresentasse ao Ministério Público (MP) a folha de pagamento constando os gastos dos recursos do Fundeb, porém, segundo afirma o Sintepp, isso não aconteceu.
A SEMED enviou ao MP um CD hoje pela manhã cujo conteúdo ainda não se sabe, pois a promotora de justiça, Dra. Priscila Tereza Costa de Araújo, estaria cumprindo compromissos na capital, Belém, e ninguém está autorizado a abri-lo. “Esperávamos um documento no papel, escrito e assinado e não um CD”, disse a Profª. Nívea Maria, diretora do Sintepp.
A prefeitura afirma que não pode pagar o abono dos professores, pois o percentual gasto com pagamento de pessoal em 2011 foi de 66,88%, ou seja, bem superior aos 60% obrigatórios, e que teria tido ainda um gasto de mais de R$ 5,8 milhões com o pagamento de obrigações patronais (INSS).

Piso de professor precisará ser retroativo

Mais um ano letivo começou e permanece o impasse em torno da Lei do Piso Nacional do Magistério. Pela legislação aprovada em 2008 e endossada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em 2011, o valor mínimo a ser pago deveria ter sido reajustado em janeiro, mas como o Ministério da Educação (MEC) ainda não oficializou o novo valor, Estados e municípios ainda não fizeram a correção. Segundo o governo, quem estiver abaixo do piso quando o valor for divulgado terá de pagar a correção retroativa.

Leia mais no IG Educação

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Além de São Paulo, Marta isola-se na bancada do PT

Marta foi preterida pelo PT na disputa pela prefeitura de São Paulo
Marta Suplicy venceu a queda-de-braço com José Pimentel para se manter na primeira vice-presidência do Senado. Isso, porém, custou-lhe caro, como mostram bastidores de uma reunião recuperados pelo Congresso em Foco
Os dias desde o início do ano têm sido ingratos para as pretensões políticas da senadora Marta Suplicy (PT-SP). Ex-prefeita de São Paulo, ela foi preterida na sua pretensão de disputar novamente o cargo pela vontade do ex-presidente Lula, que ungiu um neófito na política eleitoral como candidato, o ex-ministro da Educação Fernando Haddad.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Aliados de Dilma serão adversários nas eleições

Levantamento feito pela Folha tendo como base os sete principais partidos da aliança dilmista (PT, PMDB, PDT, PSB, PC do B, PP e PTB) mostra que em 17 capitais o confronto entre mais de três dessas siglas é bem provável.
Apenas no Rio o apoio à reeleição do prefeito Eduardo Paes (PMDB) é esperado.
Mesmo em Belo Horizonte, com um arco de aliança amplo para a reeleição de Márcio Lacerda (PSB), deve haver enfrentamento com o PMDB.
Nas sete demais capitais, há pelo menos dois pré-candidatos da base.

Leia mais na Folha de São Paulo

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

É assim que tratam a educação nesse país

Clique na imagem para ampliar

"Só padece de solidão quem se isola das lutas do seu tempo"

O titulo dessa postagem foi retirada da obra “Dom Quixote”, do grande escritor espanhol renascentista Miguel de Cervantes, e com ela quero fazer aqui uma homenagem a quem esteve na recente greve dos profissionais da educação do município de Tucuruí. Pessoas conscientes de seus direitos, que não se acovardaram diante de ameaças, que lutaram por si e pelos seus colegas de profissão, muitos dos quais não estiveram presentes por motivos diversos.
Enquanto alguns criticavam o movimento como espectadores com o capuz preto, na esperança de que o pior acontecesse, elas estavam lá, no sol e na chuva, quebrando correntes e despedaçando mordaças com os próprios dentes para que a voz de uma categoria inteira fosse ouvida, ainda que fraca e debilitada.
Essas pessoas não perderam seu tempo, não estão isoladas e não padecem de solidão. Muito pelo contrário, tenho orgulho delas e onde nos encontrarmos vamos estender as mãos para nos tocarmos, pois sabemos que somos, antes de tudo, companheiros. A vitória será nossa, não importa que venha tarde. Nós temos certeza disso!
Ps.: Essa postagem também é uma resposta à Sra. Carla Ribeiro, diretora da Escola Rui Barbosa - Ensino Fundamental.

Em busca do Fundeb perdido: prefeito dá canseira nos professores

Professores vão à Receita Federal para saber onde foi parar o dinheiro do abono
No dia seguinte à audiência entre Sintepp, Conselho do Fundeb e prefeitura, os professores amanheceram na porta do INSS para tirar a “prova dos nove” em relação ao que o representante do prefeito havia dito, ou seja, que parte do recurso do Fundo da Educação Básica foi destinado a pagar dividas com o órgão.
No INSS foram informados que a questão se esclareceria na Receita Federal. Então encaminharam-se para a Vila Permanente onde funciona uma agência da Receita. Lá, por sua vez, disseram que a informação seria obtida no INSS. O Sintepp acabou por protocolar um pedido formal ao diretor do órgão.
De tudo isso se tira uma conclusão bastante óbvia: se o prefeito Sancler pretende dar canseira nos professores acabou conseguindo, pois os professores estão cansados de Sancler e já dizem que este ano ele paga o novo e o velho.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Termina a greve dos professores em Tucuruí

Em assembleia realizada na tarde de hoje, os professores da Rede Municipal de Ensino de Tucuruí resolveram suspender o movimento grevista que exigia o abono referente a sobras do Fundeb. Mesmo com a volta ao trabalho, a categoria continuará mobilizada e mantendo uma agenda para tingir seu objetivo. Leia o que disse o vereador Tom Bonfim, que também é diretor do Sintepp e esteve à frente da greve:
“Hoje, dia 16/fev, no 9° dia de paralisação, após avaliação positiva do movimento deflagrado por transparência na aplicação dos recursos destinados à educação municipal com pagamento de abono, em reunião plenária, companheiros e companheiras que se mantiveram firmes na luta resolveram suspender a greve e retornar às escolas. O sentimento é que a vigília tem de continuar até que não restem mais dúvidas quanto à obrigação da PMT em efetuar o pagamento de abono.
Sabíamos que não seria fácil "peitar" o prefeito e sua secretária, mas, mesmo diante das ameaças e perseguições, centenas de vozes se elevaram a grito de ordem pela moralização e transparência na gestão municipal. Também sabíamos da necessidade de sermos muito para sermos fortes e a greve foi mantida até o limite da prudência. Foi preciso recuar, contudo, desistir Jamais!!
Refletimos que nessa luta não há espaço para perdedores, para covardes - endurecer a crítica contra os companheiros e companheiras que não participaram diretamente da rotina grevista não é a saída. Estratégico é manter o diálogo na busca permanente da sensibilização e mobilização dos nossos iguais. Desde o início foi assim: exaltamos o que nos une.
Parabéns a quem participou muito ou pouco, direta ou indiretamente. A luta continua!!
NOSSA AGENDA:
Assembleia Geral, dia 27/fev/12 (segunda-feira), às 17:30 horas, no Sindicato.
Essa também é a data que a PMT terá para provar junto ao Ministério Público Estadual que nada nos deve.
Divulgue e Participe!!!”

Conselho do Fundeb já fala em sobra de R$ 2 milhões

Professores, em greve, reivindicam o abono Fundeb
Em audiência no Ministério Público na última terça-feira (14/02) o Conselho do Fundeb disse que pode haver uma sobra, só no ano de 2011, de R$ 2 milhões. A informação foi rebatida pelo representante da prefeitura de Tucuruí, Sr. Orlando Neto, que afirmou que o percentual gasto com pagamento de pessoal foi de 66,88% e que a prefeitura teria tido ainda um gasto de mais de R$ 5,8 milhões com o pagamento de obrigações patronais (INSS) no ano passado.
O representante do prefeito, Sancler Ferreira, disse, mas não comprovou. Prometeu que os documentos serão apresentados ao Conselho do Fundeb em breve.
A audiência foi uma forma que o Ministério Público encontrou para forçar uma negociação entre a prefeitura e os educadores em greve, desde o dia 06 de fevereiro, por transparência na aplicação dos recursos do Fundo da Educação Básica e pelo abono proveniente de suas sobras.
Deliberações
Diante do impasse, a promotora de justiça, Dra. Priscila Tereza Costa de Araújo, pediu que a Prefeitura apresente ao Conselho do Fundeb e ao Ministério Público até o dia 27/02 os comprovantes de pagamento das obrigações patronais e funcionais junto ao INSS. Já a Secretaria de Educação deverá encaminhar a folha de pagamento da educação referente ao ano de 2011 ao Ministério público até o dia 24/02. Ficou determinado também que o Conselho do Fundeb irá encaminhar até o dia 06/03 parecer referente à aplicação do valor de 60% do recurso em discussão.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Resposta ao professor Guto Magalhães

Em resposta ao professor Guto Magalhães (funcionário da EEEM Rui Barbosa) É muito cômodo só postar o que lhe é conveniente... Você foi muito infeliz ao chamar os diretores das escolas municipais de borra-botas até porque os professores não são fantoches para serem manipulados, e a opinião dos diretores com relação a greve é livre, todos temos direitos de nos manifestar, vai de cada pessoa decidir o que fazer de acordo com as prioridades que considera em uma escala. E mais, você não teve autorização nem da direção, nem dos pais dos menores para postar fotos deles na internet(alunos da EMEF Rui Barbosa). Fotografe nossos eventos e poste em seu blog, tenho certeza que são muito mais interessantes do que essa foto dos alunos da EMEF Rui Barbosa saindo das salas de aula.

Nota: retirei essa resposta do grupo "Educação Tucuruí", que foi postada pela usuária Carla Ribeiro.  Veja.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Sancler está investindo nas escolas (de samba)


Quem habita a capital, Belém, diz que a propaganda vendendo o carnaval de Tucuruí é massiva. Outdoors, Busdoors, comerciais na TV, jornais e tudo o que tem direito. É, parece que a prefeitura anda investindo muito no carnaval, que bom. Quando o assunto é escola de samba tem dinheiro, mas quando pensamos naquela outra escola a conversa é bem diferente.

MP intervem para que prefeito negocie o fim da greve

Audiência entre professores e prefeitura pode acabar com a greve
Hoje é um dia importante para os professores, em greve há oito dias, pois o Ministério Público intermediará, uma conversa entre a prefeitura de Tucuruí e a categoria. O prefeito, Sancler Ferreira, que vinha se negando a negociar, agora vai ter que comparecer ou enviar um representante que tenha poder para decidir.
Dependendo da contraproposta apresentada pelo gestor municipal, a greve pode acabar logo. É o desejo de todos que lutam por transparência e por uma educação pública, gratuita e de qualidade.

Greve: dia de muita mobilização para os professores da Rede Municipal de Tucuruí

A carreata passou por várias ruas da cidade e recebeu apoio da população
Ontem foi um dia de muita mobilização para os professores da Rede Municipal de Ensino de Tucuruí, que estão em greve por transparência na aplicação dos recursos e pelo abono-Fundeb. Mais uma carreata invadiu a cidade, percorrendo as principais escolas e chamando a atenção da população.
Infelizmente, o prefeito tem ignorado o movimento e se recusa a receber a categoria para negociar. Preferiu tomar a atitude, não muito democrática, de ir às escolas fiscalizar quem está trabalhando, o que tem aumentado a sensação de terror entre alguns profissionais. Eles temem a diminuição da carga horária (cortes nos salários) e remanejamento para escolas distantes.
Quanto mais o prefeito demora para negociar com o Comando de Greve, mais prejuízos vão se acumulando tanto para a categoria, que terá que repor as aulas, quanto para os alunos, que estão tendo apenas meio período nas escolas.
A prefeitura tenta manter a aparencia de normalidade, mas os alunos estão sem aulas, como mostra a imagem feita na Escola Rui Barbosa, na Vila Permanente.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Henrique Capriles ganha eleições da oposição na Venezuela

O líder da oposição Henrique Capriles discursa em evento em Caracas, capital venezuelana

O governador da estado de Miranda, Henrique Capriles, ganhou as eleições primárias da oposição venezuelana e se tornou o candidato que enfrentará o presidente, Hugo Chávez, nas eleições do dia 7 de outubro.
A presidente da Comissão Eleitoral de Primárias da Mesa da Unidade Democrática (MUD), Teresa Albanes, disse em entrevista coletiva que Capriles obteve 1.806.860 votos frente aos 867.601 do governador de Zulia (oeste), Pablo Pérez, com 95% de votos apurados.
Atrás de Capriles e Pérez, a grande distância, ficaram a deputada Maria Corina Machado com 103.500 votos; o ex-embaixador Diego Arria, com 35.070, e o ex-sindicalista Pablo Medina, com 14.009.
Teresa ainda informou que os resultados serão anunciados nesta segunda-feira no referente à eleição para a candidatura presidencial e no que se refere a governadores e prefeitos, que também concorriam nesta reunião eleitoral.
Fonte: UOL Noticias

Greve dos professores completa uma semana hoje. Assista o vídeo


Entrevista na qual falo em nome do Sintepp para o TJ Regional, da TV Floresta de Tucuruí/PA, sobre a greve dos professores da Rede Municipal de Ensino. Os Docentes reivindicam abono-Fundeb e 18,5% de reajuste salarial.

A chapa vai esquentar no aniversário do PT


Esse é o convite que está sendo distribuido à militância, amigos e possiveis aliados do Partido
Na sexta-feira (10/02) o PT completou 32 anos de existência, mas a data passou em branco em Tucuruí. Achei estranho para um partido que tem pretensões de encabeçar uma chapa para concorrer à prefeitura nas próximas eleições.
Mas a petezada não perde por esperar. No próximo dia 25 acontecerá uma grande festa no Paraiso Atlético Clube. Dirigentes prometem mais que festejos. Será um grande ato político, onde o vereador Jones William será apresentado oficialmente como pré-candidato.
Parece que a “chapa” vai começar a esquentar depois do carnaval.

domingo, 12 de fevereiro de 2012

PMDB do Ceará ensaia desembarque da aliança com o PT. “Não aceitamos prato feito”, diz Eunício Oliveira

Eunício Oliveira é senador de primeiro mandato. Mas já o principal cacique do PMDB no Ceará e provável candidato do partido ao governo do Estado em 2014.
Na quarta-feira, ele e o senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) discutiram longamente a possibilidade de o PMDB romper a aliança com o PT e apoiar a candidatura do comunista a prefeito de Fortaleza.
Laia mais no Poder Online

Prefeito se recusa a negociar com professores em greve

Professorees tomam as ruas de Tucuruí para forçar uma audiência com o prefeito
O Sintepp protocolou um pedido de audiência com o prefeito, Sancler Ferreira, no dia 27 de janeiro para tratar de assuntos referentes à data base e ao abono. Já se passaram duas semanas e até agora nenhuma resposta positiva.
No dia 07 de fevereiro o Comando de Greve foi até o gabinete do prefeito para tentar obter uma resposta e ouviu de uma assessora que o prefeito não receberia a categoria. No dia 09 foi feita uma nova tentativa, dessa vez com a Secretária de Educação, Prfª. Marivane Ferreira, que recebeu dois diretores.
Os representantes sindicalistas queriam que a secretária interferisse na situação para que o prefeito receba a categoria, mas, pelo visto, a conversa não surtiu efeito algum e como consequência a greve continua.

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Diretor borra-botas

A greve dos professores e demais trabalhadores da educação da Rede Municipal de Ensino passou pela prova de fogo da primeira semana. O movimento vem crescendo, com a maior parte das escolas completamente paralisadas.
Algumas funcionam parcialmente por conta do grande número de contratados e da ação intimidadora por parte da Secretaria de Educação, que, segundo denúncias do Sintepp, vem ameaçando os grevistas com redução de carga horária.
Numa grande escola do bairro Jardim Marilucy, o diretor, que não tem qualificação para o cargo e está lá de favor, é o mais aplicado ao fazer o dever de casa.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Professores em busca do Fundeb perdido

Os professores pararam o trânsito por cinco minutos para chamar a atenção da sociedade
Professores e funcionários da Rede Municipal de Ensino fizeram uma caminhada pelas ruas do centro de Tucuruí hoje pela manhã para mostrar à população a indignação que vem tomando conta da categoria devido ao não pagamento do abono referente às sobras do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação). Com um carro-som e muita disposição, fizeram paradas em pontos estratégicos para explicar o motivo da paralização.
Uma dessas paradas aconteceu em frente à Sede da prefeitura. Os professores queriam respostas referentes a um oficio protocolado no dia 27 de janeiro onde pediam uma audiência com o prefeito, mas até hoje não haviam recebido respostas. Eles chegaram a entrar no prédio, mas foram informados que não seriam recebidos.
Ainda hoje às 19 horas acontecerá uma reunião do Comando de Greve, que fará uma avaliação do movimento e discutirá propostas para serem levadas à próxima Assembléia.
Durante a caminhada, uma das paradas aconteceu em frente ao Fórum da Justiça em apoio a um estudante que está sendo processado pelo prefeito, Sancler Ferreira, por protestar na internet contra o aumanto da passagem de ônibus

MEC distribuirá de 600 mil tablets para ensino médio

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou nesta terça-feira (7) que o governo federal distribuirá em 2012 até 600 mil tablets para 58 mil escolas de ensino médio vinculadas ao programa ProInfo. Ele disse que a iniciativa chegará aos estudantes e professores no segundo semestre, após certificações dadas pelo Inmetro.
Mercadante, que ocupa há poucas semanas o cargo exercido por quase sete anos pelo pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, afirmou que os tablets serão de propriedade das escolas, mas todos os alunos e professores poderão levá-los para casa após a assinatura de um termo de responsabilidade.
"Depois disso, temos de ver a questão da banda larga, precisamos acelerar nisso”, afirmou ele em entrevista coletiva. Segundo o ministro, as escolas rurais seguirão com dificuldades. “Temos desafio para chegar a regiões ribeirinhas, à região Norte. Por isso estamos contratando um satélite de grande porte para levar a banda larga à Amazônia. Isso acontecerá em 2014”, afirmou.
Maurício Savarese
Do UOL, em Brasília

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Municipio: ano letivo começa com greve

Hoje começa o ano letivo nas escolas da Rede Municipal de Ensino de Tucuruí, mas também é dia de inicio da greve dos professores e demais profissionais ligados à educação. O principal motivo do movimento é a reivindicação de um abono proveniente da sobra do Fundeb, que estaria sendo negado à categoria. A concentração dos grevistas acontece desde o inicio da manhã na Sede do Sintepp.

No país do jeitinho nem a educação escapa

Tanto na Rede Municipal de Ensino quanto na estadual, a politica mais evidente que está colocada para a educação parece ser a do "jeitinho brasileiro". A ordem é passar aluno de ano, mesmo que este não tenha assimilado nada do conteúdo programático.
No município de Tucuruí, os reprovados, principalmente da 8ª série, recorrem a uma prova “especial”, aplicada pela SEMED, que legitima uma aprovação automática disfarçada. É a política do jeitinho também na educação.
Nos meus quase dez anos de magistério, já ouvi todos os argumentos para aprovar aluno sem condições alguma de promoção. Difícil é ouvir aquele que leva em conta o efetivo aprendizado. Penso que aqueles argumentos como “o aluno é carente”, “a família é desestruturada” e coisas do tipo, devem sim ser colocados na balança, porém, via de regra, são usados para esconder as deficiências do próprio sistema de ensino. Dessa forma combatem-se os sintomas e deixa-se de atacar as causas das debilidades da educação.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Professores decidem entrar em greve por abono

A Rede Municipal de Ensino de Tucuruí começará o ano letivo em greve. Essa foi a decisão tomada ontem pela maioria dos presentes na Assembléia do Sintepp. O movimento paredista, terá inicio no dia 06 de fevereiro, justamente quando começariam as aulas. Professores e demais funcionários querem o abono a que teriam direito referente às sobras do Fundeb.
De acordo com a lei, 60% do recurso do Fundo devem ser usados para pagamento de pessoal. Havendo sobra, esta deve ser rateada entre os funcionários da educação. É o que vem acontecendo em vários municípios brasileiros, inclusive nos vizinhos Breu Branco, Baião, Marabá e Curionópolis, dentre outros.
De acordo com uma avaliação preliminar do Conselho do Fundeb, apresentada na Assembléia, existe uma sobra que gira em torno de 1,3 milhões, sendo que este número pode ser bem maior, já que, segundo os conselheiros, a Secretaria de Educação não repassou todas as informações documentais sobre as despesas feitas com o recurso. O recurso também estaria sendo usado indevidamente, como, por exemplo, no pagamento do vale alimentação.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Fogo sob chuva: moradores protestam contra descaso da prefeitura

Com a chuva, antigos problemas voltam à tona em Tucuruí
Parece que a situação de calamidade em Tucuruí vai aumentando à medida que o inverno amazônico vai se tornando mais rigoroso. Muitas ruas da periferia já se encontram intrafegáveis, principalmente nos bairros Carajás, liberdade e Palmares.
Outras, como a da foto acima, não recebem atenção da prefeitura há anos. Foi exatamente isso que levou os moradores da rua Brasília e Tv. Goiás, no Bairro Sta. Izabel, a protestarem hoje pela manhã (01/02) com a interdição da via e queimas de pneus.
Segundo informou o radialista Mauro Gomes, através do Faceboock, a rua é cortada por um córrego com apenas uma tábua de madeira para a travessia. Os cidadãos reclamam que a situação precária prejudica principalmente as crianças que têm dificuldades para frequentar a escola. Parte dos moradores ameaçam invadir órgãos públicos.
Como sempre, a polícia foi o primeiro representante do estado a comparecer ao local para “resolver” o problema.

Foto: Vivian Rodrigues

Senador tucano é denunciado pela 2ª vez em menos de uma semana

O senador Mário Couto (PSDB-PA) foi denunciado nesta segunda-feira (30) pela segunda vez em menos de uma semana por supostos desvios de recursos da Assembleia Legislativa do Pará durante o período em que ocupou a presidência da Casa (2003-2007).
Esta segunda ação civil pública, protocolada pelo Ministério Público do Pará, trata de supostas fraudes em licitações de obras, que incluem até a contratação de uma fábrica de tapioca para realizar serviços de engenharia.
Laia mais na Folha de São Paulo