segunda-feira, 7 de novembro de 2011

A greve continua

Em Belém professores decidirão se acatam a decisão do Juiz
Pelo menos até hoje, pois uma Assembleia acontecerá daqui há alguns minutos no Conjunto Arquitetônico de Nazaré (CAN), em Belém para decidir soberanamente se a categoria dos professores que trabalham na Rede Pública Estadual de Ensino acatam a decisão do juiz Elder Lisboa, titular da 1ª Vara de Fazenda da Capital, ou se voltam às salas de aula.

Na última sexta-feira (04/11) o tal juiz determinou o fim da greve e a volta imediata às escolas, sendo que o Piso Nacional deverá ser pago até o final de 2012. Caso isso não aconteça, o Sintepp terá que pagar R$ 25 mil por dia parado.

Infelizmente nenhuma multa foi aplicada ao Governo do Estado por descumprir determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) que manda pagar o Piso. A Lei do Piso Nacional que determina que nenhum professor pode ganhar menos que R$ 1.187,00 de salário base por 40 horas semanais foi sancionada em 2008, ainda pelo presidente Lula.

É isso que ganha uma categoria desunida onde cada um pensa individualmente. Ah, o juiz e o governador desejam um bom recesso para todos em dezembro.

Nenhum comentário: