segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Nota zero para o feriado

É feriado hoje em Tucuruí. O que se convencionou chamar de o Dia da Consciência Evangélica foi aprovado semana passada na Câmara Municipal. Acredito no respeito à diversidade e defendo a liberdade religiosa, mas os feriados religiosos não combinam com um país que se declarou laico há mais de 120 anos, quando findou o império. Nota dez para a aprovação da data e nota zero para o feriado, pois não é necessário.

5 comentários:

Anônimo disse...

Se fosse feriado para passeata gay, que nota voce daria? Não vale dar nota 24!!!

Prof. Augusto Magalhães disse...

Nota Zero. Seria outro absurdo.

Anônimo disse...

Entendo isso como um preconceito, pois se for assim tem que extinguir entao o feriado destinado à tal senhora conceiçao dos catolicos e o tal sao josé.


Ass. Armando Costa.

Prof. Augusto Magalhães disse...

Tô contigo e não abro. Se é laico não deveria ter nenhum tipo de feriado religioso.

Anônimo disse...

Não tenho nada contra homenagear santos ou religiões com datas, o que não implica necessariamente na obrigação de tornar a data um feriado, até porque partindo desse princípio, seria necessário também criar um dia, com feriado claro, pro candomblé, pro espiritismo,pro budismo, pro judaísmo, o que eu tenho quase certeza que não vai acontecer. Sobre o dia do evangélico especificamente, é de se estranhar a coincidência dele acontecer exatamente no mesmo mês em que se homenageiam Nossa Senhora Aparecida e Nossa Senhora de Nazaré dos católicos,pareceu mais uma concorrênciao do que uma homenagem, o mês (não me lembro) em que se comemorou os 100 anos da Assembléia de Deus no Brasil talvez tivesse sido mais conveniente.