sexta-feira, 17 de junho de 2011

Seminário “Turismo Bom Negócio” em Marabá

Tucuruí: potencial turistico desperdiçado
“Turismo: que negócio é este?” é o tema da palestra principal do Seminário “Turismo Bom Negócio” que o Governo do Estado, por meio da Companhia Paraense do Turismo (Paratur) realiza no próximo dia 21, na Faculdade Metropolitana de Marabá.  O evento, realizado em parceria com a Prefeitura Municipal local e com apoio da Secretaria de Turismo de Marabá, visa o fortalecimento do turismo enquanto atividade econômica no pólo turístico Araguaia Tocantins.
O pólo Araguaia Tocantins é formado por 52  municípios localizados em sua maioria às proximidades dos rios Araguaia e Tocantins, a exemplo de Marabá, que além de bela praia de rio (praia do Tucunaré) se destaca na produção industrial. Considerada cidade polo do sudeste paraense, Marabá, que integra a Rota dos Minérios, está localizada a 527 km da capital, Belém, no encontro dos rios Tocantins e Itacaiúnas. A partir de meados de junho, com a baixa do rio Tocantins, revela suas praias, a exemplo da praia do Tucunaré e do Geladinho, muito acessíveis e ideais para quem gosta de sol e água doce.
No polo também encontramos dois projetos de grande importância para a economia brasileira, a Hidrelétrica de Tucuruí e a extração mineral da Serra do Carajás. A beleza da região é complementada pelas longas praias de água doce, algumas desertas servindo de refúgio para a fauna da região. 
A pesca esportiva é o grande atrativo para quem visita Tucuruí, onde  vários lagos oferecem opções de pesca, com destaque para o Tucunaré. A história do Brasil também tem eco nessa região, já que Conceição do Araguaia foi cenário da “Guerrilha do Aragauia”. Lá, o visitante pode percorrer os caminhos feitos por aqueles que participaram dessa luta histórica.
O município de Barcarena tem grande relevância para o polo, por sua contribuição histórica, já que foi ali que o líder da revolução da Cabanagem, Cônego Batista Campos, se refugiou e morreu em 1834. Barcarena é sede de grandes projetos de beneficiamento de alumínio.
O agronegócio também move grande parte da economia do Araguaia Tocantins, a exemplo do município de Floresta do Araguaia, que detém o título de segundo maior produtor de abacaxi do Brasil, por isso no mês de julho é realizada a grade festa do “Festival do Abacaxi”. Esse tipo de festival tem variações em Barcarena e outros municípios do polo, que se destaca pela produção pecuária também. Barcarena, Cametá, Conceição do Araguaia, Marabá, Parauapebas e Tucuruí são os municípios principais do polo Araguaia Tocantins.
As inscrições para o evento, que começa às 18h30, já estão abertas, na Travessa Carlos Leitão, S/N, no bairro Centro M. Pioneira ou pelo e-mail setur@maraba.pa.gov.br. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (94) 3321-1829. O seminário tem, ainda, apoio do Sindicato de Hotéis, Restaurantes Bares e Similares (SindHotéis), Serviço Brasileiro de Apoio às  Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Associação Comercial e Industrial de Marabá  e Pólo Araguaia Tocantins.

Fonte: Benigna Soares - Ascom Paratur

Um comentário:

Anônimo disse...

tivemos uma turuiense na paratur ann pontes eleita dep federal com votaçao massisa de tucuruí. esposa do dep e aparentemente não saimos da estaca zero