sábado, 9 de abril de 2011

Amor e Revolução: Curió e Passarinho cantam vivas à ditadura

A novela Amor e Revolução, do SBsTeira, foi uma boa iniciativa da emissora. O tema foge do convencional e traz, surpreendentemente, um tema social para a telinha: a questão da democracia. Mas parece que o autor ta querendo entrar numa de democratismo, pois no capítulo de ontem deu voz ao assassino Major Curió e seu e ao Coronel Passarinho.
Daí se vê que o Brasil é mesmo um país maravilhoso. As duas aves, em vez de estarem devidamente engaioladas, aparecem na televisão cantando vivas à Ditadura Militar. Só faltou aparecer o delinquente do Bolsonaro. Quando é que vão punir essa gente? Gente? Comissão da verdade já!

Nenhum comentário: