terça-feira, 1 de junho de 2010

Educação cumpre agenda de greve em Tucuruí

Clique nas fotos para ampliar
Em Tucuruí os trabalhadores da educação vêm cumprindo uma importante agenda de greve que mantém mobilizada a categoria. Todas as noites acontecem reuniões, sempre as 07 horas na Escola Raimundo Ribeiro de Souza, onde são repassados informes vindos de Belém, discutidas propostas e encaminhamentos.
O ponto alto das mobilizações até agora foi a “Greve Cultural” que aconteceu na Praça do Rotary no dia 27 de maio, contando com música ao vivo, poesia, paródias, capoeira e exposição de um “mural da greve”, onde vários professores mostraram seus talentos na luta por melhorias na educação. Outro momento importante foi a marcha pela educação onde os educadores em greve unificaram a luta com o Movimento dos Atingidos por Barragem (MAB), Via Campesina e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Além disso participaram das diversas atividades, representantes de algumas associações de moradores e estudantes de várias escolas do município, sempre em apoio à greve.

“Fura greve” presente

Não teve jeito, o “fura greve” foi forçado a estar presente nas manifestações, pois foi representado por um boneco, no estilo Judas Iscariotes, que participou da marcha e ainda acompanhou os professores na entrega de denúncias ao Ministério Público. Infelizmente, o “fura greve” não largou a foto da governadora Durante toda a manifestação. Fazer o que?

Denúncias ao Ministério Público

Ao final da Marcha pela Educação, realizada na manhã do dia 28 de maio, os trabalhadores da educação da Rede Estadual de Ensino de Tucuruí entregaram ao Ministério Público um documento contendo denúncias sobre as péssimas condições das escolas da rede no município. A denúncia foi protocolada, mas ficou acertado que cada escola deveria fazer um relatório de suas dificuldades, com fotos em anexo, pois seria aberto um processo para cada unidade de ensino.

Nenhum comentário: